POR MEIO DE CONCESSÕES, MARANHÃO RECEBE R$ 780 MI EM INVESTIMENTOS


Itaqui beneficiado no Programa de Investimento em Logística. Volume total de investimentos é destinado a terminais de uso privado.

Porto de Itaqui, no Maranhão, foi beneficiado com um investimento de R$ 780 milhões – do total de R$ 198,4 bilhões em investimentos em rodovias, ferrovias, portos e aeroportos em todo o país –, com o lançamento, nesta terça-feira (9), da segunda etapa do Programa de Investimento em Logística (PIL), do governo federal.

O programa dá continuidade ao processo de modernização da infraestrutura de transportes do país, pelo menos é o que garante o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP). O volume total de investimentos no Estado é destinado aos Terminais de Uso Privado (TUPs), que, no caso do Itaqui, são para cargas do tipo granel sólido e líquido da empresa WPR São Luis Gestão de Portos e Terminais Ltda.

O PIL prevê, ainda, o arrendamento de áreas portuárias, por meio de prorrogações antecipadas de contrato, com a vigência da Nova Lei de Portos, que estabeleceu as diretrizes para a licitação de novos arrendamentos e renovação deles.

O Porto do Itaqui recebe R$ 298,19 milhões – do total de R$ 942 milhões na região Nordeste – em investimentos, divididos entre o Terminal Químico de Aratu S.A. (Tequimar), que recebe R$ 253,19 milhões, e o terminal da Petróleo Sabbá S.A, que recebe R$ 45 milhões.

Bloco 2

Para as novas áreas, o programa prevê investimentos de R$ 2,9 bilhões na região Nordeste, sendo dois terminais no Itaqui. A licitação do bloco 2 deve ocorrer no primeiro semestre de 2016 e tem duração de 25 anos.

Para o novo bloco, o Porto do Itaqui recebe parte dos R$ 1,8 bilhões que serão investidos em terminais destinados aos granéis minerais e outros R$ 300 milhões a terminais para celulose.

http://g1.globo.com/ma/maranhao/noticia/2015/06/por-meio-de-concessoes-maranhao-recebe-r-780-mi-em-investimentos.html